Thursday, Aug 22nd

Última actualização:08:25:23 AM GMT

Manchetes:
Você está aqui: Publicações Notas de imprensa, Artigos, Reportagens 2-o Torneio de Xadrez Samanyonga Nota de imprensa
 
na Rússia
 
Angola

2-o Torneio de Xadrez Samanyonga Nota de imprensa

Versão para impressão

O bielorusso Vladimir Oblanski, sagrou-se vencedor, no último fim de semana, da 2ª edição do Torneio Internacional de Xadrez “Samanyonga”, que decorreu, em Moscovo, no quadro das comemorações do 30º Aniversário da Proclamação da Independência da República de Angola. Oblanski totalizou 6 pontos, os mesmos que o mestre FIDE russo, Anatoli Bondar, que ocupou o segundo lugar.

Na terceira posição da tabela classificativa do “Samanyonga”, que em língua nacional tchokwe significa pensador, ficou o russo Stepan Indzhikian, com 5,5 pontos, enquanto que Dima Romão, estudante do 2º ano da Universidade Estatal de Minas de Moscovo foi o melhor xadrezista entre os quatro angolanos participantes da prova, com 3 pontos.

Participaram no Segundo Torneio Internacional de Xadrez “Samanyonga”, organizado pela Missão Diplomática angolana neste País do leste europeu, 22 jogadores, entre profissionais e amadores, da Rússia, Cazaquistão, Bielorússia, Índia, Arménia, Croácia, Geórgia e Angola.

A competição marcou o encerramento do ciclo de actividades alusivas ao “11 de Novembro” na Rússia, que envolveu, também, a amostra de artes plásticas “Exposição das Exposições: A Arte Unindo os Povos” em que estiveram patentes obras dos artistas angolanos Álvaro Macieira, Van, Jorge Gumbe, Kidá, Vitó, Gonga, Marcela Costa, Etona, Fineza Teta, Álvaro Cardoso e João Inglês, e dos pintores russos Viktor Razgulin e Liudmila Varlamova.

Sector da imprensa i cultura,
22.11.2005