Thursday, Aug 22nd

Última actualização:08:25:23 AM GMT

Manchetes:
Você está aqui: Publicações Notas de imprensa, Artigos, Reportagens Filme angolano "Na Cidade Vazia" foi exibido com sucesso na Rússia
 
na Rússia
 
Angola

Filme angolano "Na Cidade Vazia" foi exibido com sucesso na Rússia

Versão para impressão

O filme angolano "Na cidade Vazia", da realizadora Maria João Ganga, foi exibido com grande sucesso, no dia 19 de Maio, na Casa do Cinema da Rússia.
A exibição da película aconteceu na presença da sua realizadora, Maria João Ganga. A cineasta angolana prestou esclarecimentos sobre a sua obra no decurso de um animado debate, em que, mais uma vez, foi exteriorizado o interesse dos especialistas e público russos na produção de filmes angolanos e africanos, em geral.
Na apresentação do filme intervieram também Yuri Kolosov, Chefe do Departamento Internacional da União de Cineastas da Federação da Rússia, e o Embaixador angolano neste país do leste europeu, General Roberto Leal Ramos Monteiro “Ngongo”, que considerou o aparecimento do filme a “Cidade Vazia”, de Maria João Ganga, como uma evidencia do renascer do cinema nacional, que quase tinha desaparecido. “Neste renascer, qual Ave Fénix, Angola demonstra que é um Pais vivo, que está lutando pela independência total e que prestigia os valores culturais”- afirmou o diplomata.

A visita da cineasta angolana a Moscovo incluiu ainda a visita aos estudos “Mosfilm”, e a Cátedra de Televisão e Cinema da Universidade de Cultura e Arte de Moscovo. Durante as conversações com os interlocutores russos, foram avaliadas as possibilidades de cooperação com a Rússia no domínio da 7ª Arte.

O filme “Na Cidade Vazia” é uma longa metragem cinematográfica rodada na cidade de Luanda, baseado num guião escrito em 1990, que retrata o drama das crianças angolanas, como consequência da guerra, tendo como actores principais adolescentes não profissionais.

Na Cidade Vazia é um filme que tem conquistado diversos prémios em festivais de cinema de vários países, com destaque, para os outorgados no Festival de Cinema Africano, em Milão, Itália, no Festival Internacional de Filmes de Mulheres, em França, e no Festival de Paris, onde recebeu o Prémio Especial do Júri.

Sector da imprensa i cultura,
20.05.2005